Connect with us

Segurança

5 golpes mais comuns em condomínios e como preveni-los

Publicado

em

Golpistas traçam diversas estratégias para invadir condomínios e cometer crimes

Os condomínios dão aos moradores a sensação de segurança, afinal há um time de profissionais que trabalham para manter a paz e a proteção. Entretanto, algumas ameaças que colocam essa segurança em risco podem ocorrer. Pensando nisso, separamos aqui uma lista com os 10 golpes mais comuns em condomínios para que você fique atento e possa se prevenir.

1 – Golpe do falso morador
Nesse golpe, o criminoso usa roupas e acessórios semelhantes aos de um morador e entra pela portaria quando nota um grande fluxo de pessoas no portão. O truque de enganar o porteiro se camuflando como um condômino exige que o golpista estude o condomínio antes para saber de quem irá se caracterizar.

Como prevenir
Treine o porteiro para que, quando exista um grande fluxo de pessoas tentando entrar, ele barre todos e exija uma organização para conseguir fiscalizar se os presentes são mesmo moradores.

2 – Golpe do falso hóspede
Aqui o criminoso identifica um morador que está viajando, liga na portaria do condomínio se passando por esse morador e avisa que alguns parentes irão ficar hospedados em sua unidade. Esse truque geralmente é muito bem planejado e os golpistas chegam a passar nome, CPF e RG dos “parentes”, para tornar toda situação mais real possível.

Como prevenir
O condomínio pode barrar hospedagens por telefone, exigindo que os moradores sempre a façam presencialmente. No golpe do falso hóspede, o síndico deve ficar alerta e conscientizar o restante da equipe quanto a essa tática.

3 – Golpe do falso entregador
No golpe do entregador há vítimas fora do condomínio, pois ele começa com o golpista rendendo um entregador de qualquer serviço, que se passa por ele e solicita acesso a um prédio para realizar a entrega, entrando e rendendo o morador.

Como prevenir
Não permita a entrada de entregadores e alerte todos os condôminos em assembleia que é dever deles retirarem suas entregas na portaria do condomínio, principalmente durante o período de pandemia do Covid-19.

4 – Falso prestador de serviços
Semelhante ao golpe do falso entregador, aqui o criminoso recebe informações sobre um apartamento que solicitou um trabalho em sua unidade, como de internet, tv a cabo ou ar condicionado. Sabendo da solicitação do serviço, o golpista usa um uniforme da empresa e tem a entrada autorizada, pois o morador já avisou previamente o porteiro. Com acesso ao local, eles fazem o morador de refém e levam o que tiver de valor.

 

Como prevenir
Mesmo com a autorização do morador sobre a entrada do prestador de serviço, o porteiro não deve liberar a entrada facilmente. É preciso requisitar documento com foto, crachá da empresa, bater o nome do crachá com o do documento e solicitar também a ordem de serviço feita pela empresa.

5 – Golpe da garagem
Um dos golpes mais comuns em condomínios. Os golpistas ficam parados em frente ao prédio com o carro próximo ao portão da garagem, aguardando alguém abrir para entrarem logo na sequência. Há ainda os que simplesmente embicam o carro em frente ao portão e, caso o abram, entram e fazem roubos nos condomínios.

Como prevenir
Mesmo que o carro pareça de um morador, é importante alertar o responsável para não abrir sem ter certeza da identificação. Outra solução é decidir que porteiros não abrem o portão da garagem, somente moradores com carro e controle.

 

Da redação Por: Elizabet Letielas

Portal de noticias, artigos e apoio para Síndico e Administradoras, bem como Cursos e Eventos no segmento condominial. Realizamos e facilitamos a interação entre Síndicos, Administradoras, profissionais do mercado condominial e Empresas do segmento. Colaboradores: - Elizabete Letielas - Rafael Alves

Continue Reading
Click to comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2021 Sindiconline . Todos os direitos reservados