Connect with us

Gestão

Consórcio para condomínios: planejar é o melhor remédio

Publicado

em

Consórcio para condomínios: planejar é o melhor remédio

Sabe aquela reforma da garagem que você vem tentando emplacar há um tempo? Aquela que você vem adiando por falta de caixa ou ainda por recusa de parte dos moradores. Já pensou em fazer um consórcio para tirá-la do papel?

Em 2019, a Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais, levantou que no país existiam cerca de 420 mil condomínios, movimentando cerca R$ 165 bilhões em negócios anualmente. Um meio que não parou de crescer! Esses números mostram a grande demanda deste mercado que vão desde a aquisição de bens até a reforma e manutenção dos mesmos.

Falando em reformas, existem aquelas inesperadas como estruturas danificadas que estejam colocando em perigo a vida de moradores e colaboradores, ou aquele encanamento que furou e que, além de transtorno, está trazendo prejuízos para o caixa do prédio. Destas, não há como fugir pois são de caráter emergencial. Por outro lado, temos aquelas reformas que visam melhorar a vida de seus condôminos, diminuir gastos ou até mesmo ampliar áreas de lazer, essas podem ser feitas com tempo e devem ter um forte planejamento. Uma opção para caixas apertados ou ainda moradores relutantes à ideia, é a aquisição de um consórcio condominial. Você já ouviu falar?

Já existem no mercado empresas que oferecem esse tipo de consórcio, onde o condomínio paga as parcelas mensalmente (dentro do plano escolhido) e, ao ser contemplado, pode utilizar o valor total acordado para investir na reforma. Ou seja, pagamento à vista por todo o projeto o que pode baratear, e muito, os custos da obra. Algumas empresas oferecem ainda a possibilidade de que seja indicado o uso do crédito apenas quando contemplado ou em seu final, isso significa que você pode manter os planos iniciais da reforma da piscina, por exemplo, ou até mesmo ampliá-la caso no período da reforma o caixa venha a ter mais recursos. Esse tipo de consórcio não se aplica apenas para reformas, você pode também contratá-lo para a aquisição de bens como: equipamentos para academia e playground, maquinário, elevadores, etc.

Você deve encarar essa ideia como um investimento e “vendê-la” como tal para as unidades. Destaque os pontos positivos, incentive a arrecadação por rateio e com parcelas que caibam no bolso de cada condômino, onde todo o excedente vire um fundo que possa cobrir inadimplentes. No futuro, isso pode vir assegurar as parcelas. Outro ponto importante é a contratação do serviço com uma empresa de credibilidade e tradição no ramo de consórcios, assegure-se de que a empresa está em dia com suas obrigações pesquisando em sites e até mesmo entrando em contato com outros condomínios que adotaram este tipo de negócio, isso dá mais segurança para você e para seus moradores.
Se aprofunde no assunto, leve a ideia para sua próxima assembleia e discuta com os moradores pois, o consórcio condominial é uma pratica que vem crescendo justamente por suas vantagens. Pense nisso.

 

Da Redação – por Rafael Alves

Portal de noticias, artigos e apoio para Síndico e Administradoras, bem como Cursos e Eventos no segmento condominial. Realizamos e facilitamos a interação entre Síndicos, Administradoras, profissionais do mercado condominial e Empresas do segmento. Colaboradores: - Elizabete Letielas - Rafael Alves

Continue Reading
Click to comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2021 Sindiconline . Todos os direitos reservados